CAPÍTULO 1
Programação visual com Software Livre
EDIT LIN EDITORIAL S.L,  dos autores  Daniel Campos Fernández e José Luis Redrejo.  Prólogo de Benoît Minisini

<< Anterior Próximo >>

1.4 Como obtê-lo


As novas versões do Gambas são publicadas através da página oficial do projeto: http://gambas.sourceforge.net. Na atualidade existem dois Gambas: o estável 1.0 e o de desenvolvimento 1.9 que acabara na versão 2.0. Da versão estável só se publicou novas versões quando foi para corrigir alguma falha que foi descoberta.

No momento que escrevi estas linhas, a versão estável era a 1.0.11 e não se prever que haja mudanças no futuro. A versão de desenvolvimento está em continua mudanças, melhorias e adição de novos componentes. isto a faz muito atrativa, devido a existências de importantes funcionalidades que não estão na versão estável (como os componentes gtk e ODBC). Como essa é uma versão de desenvolvimento, é muito provável que tenha falhas não descoberta e com certeza sofrera mudanças em um futuro próximo. Neste texto trataremos de todas as novidades que a versão de desenvolvimento contem para que o usuário possa escolher qual das versões trabalhar. Boa parte das diferença se encontra nos novos componentes. Algumas destas serão tratados neste texto, porque se o leitor quiser trabalhar com eles deverá usar a versão desenvolvimento.


As novas versões são publicado sempre em forma de código fonte, para que usuário que desejarem compilem e obtenham todas as partes que o Gambas tem. Os autores de alguns dos

componentes que são feitos para o Gambas, são publicados em vários sites da web porem todas são enviadas a Benoît Minisini e passam a fazer parte da publicação completa desta linguagem de programação e da seguinte versão. Deste modo pode se dizer que, quando Benoît faz uma nova publicação, o pacote do código fonte contém as ultimas versões de todo o conjunto no momento.

Como a compilação do Gambas e todos os seus pacotes associados pode ser uma tarefa difícil para usuários inexperientes, é comum que se criem pacotes binários já compilados preparado para ser instalados em várias distribuições gnu/Linux. Existe atualmente pacotes disponíveis para Debian, Fedora, Mandriva, Gentoo, Slackware, QiLinux e Suse. Em alguns casos, como para Fedora e Debian, está disponível tanto os pacotes da versão estável como a de desenvolvimento.

No caso do Debian, os pacotes são criados em gnuLiEx e posteriormente, convertidos a Debian para que esteja disponível e usável nesta distribuição e em todas suas derivadas, como Kinoppix, Guadalinex, Progeny, Xandros, Linspire, Skolelinux, etc. Por este motivo, as ultimas versões estão sempre disponíveis antes nos repositórios do gnuLinEx já que foram convertidos e aprovados em Debian. As linhas do arquivo
/etc/apt/sources.list de um sistema Debian para instalar a versão mais atualizada dos pacotes Gambas são:


Para a versão estável:   deb http://apt.linex.org/linex gambas/

Para a versão de desenvolvimento: deb http://www.linex.org/sources/linex/debian/cl gambas

A seguir, em qualquer um dos casos, para instalar todos os pacotes do Gambas, tem que executar como root:

apt-get update
apt-get install gambas

Mesmo que o código fonte do Gambas seja distribuído em um único arquivo compactado, a instalação dos pacotes compilados e feita com uma boa quantidade de arquivos.

A razão é que nem todos são necessários para executar aplicações feitas em Gambas. As distribuições de Linux  vem seguindo um critério de separar em vários pacotes o ambiente de desenvolvimento (pacote gambas-ide), o interpretador (pacote gambas-runtime),  foi feito um pacote separado para cada um dos componentes. Se Você quiser programar em Gambas são necessário a maioria deles,  ao menos os que o ambiente de desenvolvimento necessita. se quiser apenas executar um programa feito com esta linguagem , só é necessário gambas-runtime e um pacote para cada um dos componentes que o programa usa. Por exemplo se for um programa que foi feito para o desktop Gnome e não usa nenhum outro componente, só será necessário no sistema os pacotes gambas-runtime e gambas-gb-gtk.






   
<< Anterior
Próximo >>

HOME



Cópia literal

Extraído do livro “GAMBAS, programação visual com software Livre”, da editora EDIT LIN EDITORIAL S.L,  dos autores  Daniel Campos Fernández e José Luis Redrejo. Prólogo de Benoît Minisini

LICENSA DESTE DOCUMENTO


É permitido a cópia e distribuição da totalidade ou parte desta obra sem fins lucrativos. Toda cópia total ou parcial devera expressar o nome do autor e da editora e incluir esta mesma licença, adicionando se é uma cópia literal “Cópia literal”. Se é autorizada a modificação e tradução da obra  sem fins lucrativos sempre se deve constar na obra resultante  a modificação o nome da obra original o autor da obra original e o nome da editora e a obra resultante também deverá ser livremente reproduzida, distribuída, ao publico e transformada em termos similares ao exposto nesta licença.

Tradução

Cientista
 (Antonio Sousa)